O Amor Pode Ter Asas: Segredos - Bianca Rocha

"No amor sincero e real você só busca a felicidade da outra pessoa, esteja ela com você ou não (...) Só se ama uma pessoa se o que você desejar não for tê-la, e sim vê-la feliz".
- O Amor Pode Ter Asas: Segredos, Bianca Rocha

 Olá, pessoal!
Hoje vim matar minha saudade de resenhar postando sobre esse livro lindo! Espero que gostem da resenha ;)


Sinopse:
Normalidade é uma palavra que não existe no dicionário de Jasmim Nature. Seu nome sempre esteve constantemente nos jornais e na boca do povo da desconhecida Ilha Little. Se isso é legal? Nem um pouco. Se ela daria tudo para ser normal? Com certeza. Depois de muitas tentativas, a família Nature consegue autorização para permanecer seis meses no continente, a terra dos humanos. E Jasmim e seus irmãos passam a frequentar a escola. Tudo que precisam fazer é serem discretos e não levantar suspeitas. Mas Jasmim conhece Daniel, e não consegue evitar: se apaixona por ele. As fadas têm um jeito especial de se apaixonar: elas sofrem Inlove. Mas sofrer Inlove por um humano? É loucura! Quando o destino muda os rumos dessa família e Jasmim se vê presa a esse amor, não será fácil esconder dele algo tão significativo quanto... Asas.

***
Sugestão: vejam minha trilha sonora de leitura para esse livro e ouçam as músicas enquanto leem a resenha ;)

Quando minha mãe descobriu esse livro e me disse que fora publicado por uma menina de dezesseis anos, além de que era uma história sobre fadas, logo me interessei. Primeiro, porque amo literatura fantástica, e segundo porque saber que uma menina com idade próxima à minha publicou um livro foi como um incentivo, uma inspiração a mais para mim.
Aliás, o nome dessa escritora é Bianca Rocha, e ela é foi muito legal em responder minha mensagem no Facebook! 
Outro fato que chama bastante a atenção quando se põe os olhos em O Amor Pode Ter Asas - Segredos é a capa, que mostra a personagem principal, Jasmim, de costas. Eu sou apaixonada por essa capa, que é lindíssima, delicada e bem realista, além de proporcionar interesse pelo conteúdo do livro.
Muito bem, passemos para a história de Jasmim Nature.
"Ser diferente é a coisa mais normal do mundo. Não é o que você consegue fazer que vai dizer quem você é". - Jasmim Nature
  Jasmim é uma fada de quinze anos que mora com sua família na Ilha Little, uma pequena ilha no oceano Atlântico onde vivem as fadas. Todas as fadas tem um talento, que designa que tipo de fada ela é: da água, do ar, da luz, da fauna, da flora ou artesã. A família da protagonista possui fadas com todos os talentos: Steam e Sea, pai e mãe de Jasmim, são fadas da água; Wind, o irmão mais velho, é fada do ar; Puppy, a irmã mais velha, é fada da fauna; Lit, a segunda irmã mais velha, é fada da luz; Seed, o irmão mais novo, é fada da flora; e por fim Pitch, a melhor amiga e prima de Jasmim, assim como sua família, é fada artesã.
  Porém, Jasmim é especial. Ela nasceu com todos os talentos possíveis, por isso sempre teve um papel de destaque na Ilha. Todos a conheciam e a procuravam para que ela os ajudasse com problemas como reconhecer o talento de outras crianças. Jasmim sempre foi famosa e popular, e o que ela mais queria é era conhecer um pouco de normalidade.
  Depois de anos tentando conseguir uma autorização para visitar o continente, a família de Jasmim finalmente consegue tirar "férias" de seis meses no Brasil. Obviamente, eles guardam bem o seu segredo, afinal, humanos não acreditam em fadas. Para esconderem suas asas, eles usam colares feitos com uma pedra especial.
  Tudo estava correndo muito bem até o começo do ano letivo, quando Jasmim e seus irmãos começam a frequentar a escola para conviverem com outros adolescentes. Ela e Lit estão na mesma classe: o primeiro ano do Ensino Médio. No primeiro dia elas conhecessem Ana, que será sua amiga e lhes explica as "regras" da escola.
  A escola de Jasmim tem aquela hierarquia que nós vemos em filmes americanos: as líderes de torcida e os jogadores são os mais populares, dentre eles Jennifer - uma garota metida das Líderes de Torcida -, e Daniel, ex-namorado de Jennifer, dos jogadores de futebol.
  Portanto, Jasmim tenta ficar na sua, com o desejo de ter uma vida normal pelo menos ali no continente. Mas ela conhece o lindo Daniel, e seus planos vão por água a baixo. Logo no primeiro dia de aula eles acabam se encontrando e Jasmim se vê perdida nos olhos castanhos do menino. A partir daí, ela começa a demonstrar sintomas de uma coisa perigosa: o Inlove.
  Inlove é o que as fadas sofrem ao se apaixonarem, o que só acontece uma vez em suas vidas. Na Ilha, é raro que um amor não seja correspondido, por isso não há problema nenhum em sofrer Inlove. Mas quando uma fada se apaixona pela pessoa errada, o Inlove a faz sofrer tanto quanto uma doença, e ela acaba enlouquecendo ou indo parar em uma clínica na Ilha. 
  Assim, quando a mãe de Jasmim descobre que ela está começando a sofrer Inlove por um humano, tenta afastá-la dele, mas o amor de Jasmim por Daniel é inevitável. Até porque ele também se interessa por Jasmim e logo eles começam a namorar, de modo que não há mais jeito de voltar atrás com seu Inlove. Mas o medo da fada é que Daniel descubra o que ela realmente é e deixe de amá-la, e ela também teme o momento que terá de voltar para a Ilha e ficar longe de seu amor. Se qualquer coisa der errado com seu Inlove, Jasmim pode acabar como as outras fadas que tiveram o coração partido: doente na clínica da Ilha.
  Além disso, Jasmim também tem de conviver com Jennifer, a chefe das líderes de torcida, grupo do qual ela passa a participar e se destacar. Em pouco tempo, Jasmim conquista à escola inteira, tomando de Jennifer seus cargos no "poder". Sua tentativa de não se destacar falhou, e agora ela tem de aguentar as consequências de ser o centro das atenções mais uma vez.
  Mas nada disso é capaz de abalar Jasmim Nature. A protagonista é uma menina bondosa, simpática e gentil, sempre disposta a ajudar quem precisa. Cuida bem das crianças, é uma filha exemplar, estudante dedicada e uma irmã muito legal. Em todos os momentos ela tem suas irmãs e irmãos ao seu lado, principalmente Lit, Puppy e Seed. Outros personagens que aparecem durante a narrativa são: Gabi, uma fadinha muito fofa que é enviada pela família de Pitch para a de Jasmim para ser cuidada; Leonardo, irmão de Jennifer; as outras líderes de torcida que se tornam amigas de Jasmim; amigos do Daniel; os tios e primos de Jasmim; entre outros.
  O que mais me cativou em O Amor Pode Ter Asas foram os personagens, que são bem caracterizados pela autora. Cada um tem seu jeito, sua personalidade, seu brilho. Lit tem uma personalidade marcante por sua vivacidade, criatividade, esperteza, etc. (ela me lembra uma amiga minha, aliás). Puppy, que cursa a faculdade, é inteligente e estudiosa. Wind, que também sofre Inlove por uma humana, tem um jeitão mais folgado, mas legal. Seed é um doce de menino, muito esperto também. Pitch é um amor e ajuda muito Jasmim a entender seu Inlove. Os pais de Jasmim são muito compreensivos e protetores. Ana, apesar de ser humana, consegue ser uma amiga igualmente boa para as fadas. A amizade é muito importante na história.
  E Daniel? O que dizer do lindo Daniel? Ele é aquele garoto bonito que conquista as garotas só com um sorriso e com um olhar daqueles olhos castanhos. É fofo, mesmo sendo um garoto adolescente como qualquer outro. Assim como Jasmim, ele não gosta de ser considerado superior aos outros. O romance entre os dois evolui cada vez mais ao longo da história. 
  A narrativa é bem leve, simples, e é fácil de se identificar com os episódios e os personagens, porque são coisas que acontecem em nossa vida. Há vários episódios divertidos e bem humorados, apesar de algumas expressões serem usadas com muita frequência. Considerando a idade com que a autora escreveu o livro (13 anos), a gente não pode exigir demais, afinal com essa idade ainda não temos tanto conhecimento de mundo ou contato com literatura mais rica, geralmente. Percebe-se facilmente a influência de livros americanos que vêm fazendo sucesso ultimamente, principalmente no romance.
  Como romance não é meu gênero preferido, algumas vezes achei um pouco enjoativo ou comum, e acho que a autora poderia ter explorado mais o lado fantástico do mundo das fadas e tal. Mas a autora estava realmente voltada mais para o romance, então não há nada de errado. 
  O livro tem vários errinhos de digitação que deveriam ter passado por uma revisão mais apurada. Isso não é nem responsabilidade da escritora, pois são erros comuns que cometemos durante a digitação, mas espero que a revisora/editora do livro preste mais atenção da próxima vez, para melhor aproveitamento da leitura (odeio fazer críticas, mas eu tenho que ser sincera na resenha).
  De qualquer forma, a leitura fluiu muito bem. Eu sempre ficava curiosa para saber o que acontecia no próximo capítulo e era difícil de largar. Os personagens meio que se tornaram meus amigos, haha. Estou ansiosa pelo próximo volume da trilogia, porque o final me deixou fazendo especulações sobre o responsável por certo acontecimento (não vou dar spoiler, rsrs').
  Enfim, adorei O Amor Pode Ter Asas, e tenho certeza que o próximo livro será ainda melhor! A Bianca é muito talentosa, tenho certeza que logo será uma escritora bem reconhecida!

Nota: 7,8
 
Bianca Rocha
Ficha técnica: 

Título: O Amor Pode Ter Asas - Segredos 

Autora: Bianca Rocha 

Editora: Novo Século - Coleção Novos Talentos da Literatura Brasileira 

Nº de páginas: 431



 E aí, leitores, o que acharam da história de O Amor Pode Ter Asas? Já leram, se interessaram em ler? Espero que tenham gostado da minha - não tão pequena (pra variar, né) - resenha? Comentem suas opiniões!

Vou terminar com um poema que Daniel recita para Jasmim. Não sei o autor, só sei que é lindo.

"Quando você sentir vontade de chorar, não chore.
Pode me chamar que eu choro por você.
Quando você sentir vontade de sorrir me avise
Que eu venho para nós dois sorrirmos juntos.
Quando você sentir vontade de amar me chame,
Que eu venho amar você.
Quando você sentir que está tudo acabado, me chame,
Que eu venho lhe ajudar a reconstruir.
Quando você achar que o mundo é pequeno demais para suas tristezas,
Me chame, que faço ele pequeno para sua felicidade.
Quando você precisar de uma mão, me chame,
Que a minha é sempre sua.
Quando você precisar de companhia naqueles dias tristes e nublados,
Ou nos dias ensolarados, eu venho, venho sim.
Quando você estiver precisando ouvir alguém
dizer: Eu te amo!
Me chame, que eu digo a você a toda hora.
Pois meu amor é imenso..
E quando você não precisar mais de mim, me avise,
Que simplesmente irei embora, orando por você."

6 comentários:

  1. Você parecia empolgada na resenha. Me interessei bastante pelo livro e admiro a autora por ter tido coragem de publicar um livro com tão pouca idade e parece ser talentosa! Bia, ainda não sei se vai dar para eu entrar no Xat nesse feriado :( Acho que vou sair, mas ainda não é certo, vou ver aqui!

    Bjs, Raquel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, eu estava bem empolgada, rsrs!
      Ok, Quels, se der pra vc entrar me avise :)

      Bjs, Bia

      Excluir
  2. Oi Bia!!

    Amei sua resenha! E esse livro tem uma capa linda! Já gostei a partir daí! E também gosto muito de estórias fantásticas! Amo as fadas! Tenho um livro de fadas aqui, mas ainda não li. "Contos de uma Fada" da brasileira Letícia Black!! Conhece?? Daqui a pouco terei uma grande coleção de livros de fadas!! ^.^

    Beijinhos
    Mirelle - meumundoemtonspasteis.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mirelle! Ainda não conheço o "Contos de uma Fada", mas teria prazer em conhecê-lo. Fadas são fascinantes!

      Bjs, Bia

      Excluir
  3. Oooi Bia! Lembra de mim? Haha adorei sua resenha, a autora é da minha escola! Conheci ela, um amor! Sdds de vc! Fico feliz em ver que seu blog está crescendo! Sucesso pra vc! Bjinho ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Claro que lembro de vc, tb estou com saudades!
      Que legal que você conhece a Bianca, ela parece mesmo ser muito fofa :D
      Obrigada pelo comentário!

      Bjs, Bia

      Excluir

Atenção:
Comentários com palavras inadequadas ou ofensivas serão deletadas.

© Minhas Leituras - 2010-2017. Todos os direitos reservados. Blog e layout por Beatriz Teixeira. Desenho do cabeçalho: Gisele Dias.

Tecnologia do Blogger.
imagem-logo