A Maldição do Tigre - Colleen Houck

"Ele suspirou aliviado enquanto me dirigia um sorriso. Era como o sol rompendo uma nuvem de tempestade".
- A Maldição do Tigre

Sim! Começando o mês (aliás, hoje é dia Tobias de setembro. Entenderam? Quatro... Tobias ~só para os divergents~ eu fiquei falando isso o dia inteiro, sério. Quer dizer, nos últimos dias tudo me lembra algum livro, é incrível. Acho que eu sou "meio" viciada em livros LOL) com uma resenha!!
Estou apaixonada por uma série nova, A Saga do Tigre, de Colleen Houck. Já estou no segundo, e é tipo, lindo!
Ok, vamos começar do começo, certo? (O.K.. O.K. ~le Hazel Grace~)
Conheçam (MEU tigre branco Ren <3. Ahn...) A Maldição do Tigre.

Sinopse:
Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco. Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele. O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço. Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem.
Skoob

Minha opinião:
Vou começar falando dos personagens, porque eles são as melhores coisas do livro.
Kelsey Hayes é a personagem principal, a mocinha, a protegida de Durga, e algumas vezes a boba da história. Ela é a narradora da história. Ficou órfã há pouco tempo e mora com sua família adotiva, no Oregon.
Quando Kelsey arruma um emprego de verão para custear a faculdade num circo da cidade, com certeza não imaginava que isso mudaria completamente sua vida. Logo ela se vê completamente encantada pelo tigre branco do circo, Dhiren. Ele é totalmente inofensivo e parece até entender as palavras de Kelsey. Ela fica muito afeiçoada e o visita todos os dias, chegando até a acariciá-lo através da jaula.
Perto do final do verão, um velho homem indiano aparece no circo para comprar Dhiren e levá-lo a uma reserva na Índia. Kelsey está tão ligada ao tigre que o sr. Kadam (o homem que está comprando Dhiren) a contrata para acompanhar a adaptação de Dhiren na Índia durante algumas semanas. Ela com certeza aceita.
Durante a viagem, nossa protagonista descobre que o "patrão" do sr. Kadam é um homem muito rico e fica encantada com a cultura indiana. Ao chegarem na Índia, o sr. Kadam a deixa com Dhiren em um caminhão a caminho da reserva, e durante uma parada para o almoço, o caminhão desaparece e Kelsey fica sozinha com um tigre branco na beira da estrada. Ela acaba seguindo Dhiren pela mata, e... uma surpresa. Seu tigre branco revela sua verdadeira identidade: um lindo príncipe indiano que recebeu uma maldição a 300 anos atrás e precisa dela para voltar a ser um ser humano normal. Ele só pode se transformar em homem durante 24 minutos a cada 24 horas. E mesmo nesse pequeno tempo, Kelsey (e eu, ou as leitoras em geral, porque né) acaba se apaixonando pela parte humana de Ren (como não se apaixonar?). O príncipe tem lindos olhos azul cobalto que a Kelsey adora descrever como hipnóticos a cada cinco segundos, e cabelos pretos. E ele é tipo, o homem perfeito.
Ren é o personagem mais apaixonante da história até o momento.
Mas, então, depois dessa confusão toda, o sr. Kadam volta para buscá-los e levá-los para a mansão de Ren. É lá que ele explica toda a história de Ren e Kishan, o irmão do príncipe, também transformado em tigre, porém um tigre negro, e eles começam a investigar como Kelsey pode quebrar a maldição. Nisso, descobrem que ela é protegida de uma deusa indiana e que eles precisam encontrar quatro partes de um amuleto e um fruto dourado.
Antes de partir na missão de busca ao fruto, Ren e Kelsey procuram Kishan e tentam convencê-lo a ir com eles e ajudá-los. Na verdade, Kelsey tenta convencê-lo, porque a causa da maldição dos irmãos é que, a 300 anos atrás, Kishan entregou Ren para um homem do mal que queria a parte dele do amuleto tão mencionado, e isso porque estava apaixonado pela noiva de Ren. Desde então, os irmãos, é claro, têm uma certa inimizade. Além disso, Ren está morrendo de ciúmes, já que está apaixonado por Kelsey.
No fim das contas, eles não convencem Kishan a ir com eles, então eles vão sozinhos em busca do Fruto Dourado. Nessa busca, eles passam por muitos perigos e ficam cada vez mais apaixonados. Porém Kelsey é muito boba e acha que Ren só está apaixonado por ela porque ainda não conheceu outras mulheres, ou porque ela é a única que pode quebrar a maldição e blá-blá-blá. Nisso, ela começa a se afastar de Ren, o que o deixa muito magoado.
Depois de passarem por muitos perigos e tudo o mais, eles voltam para a mansão e Kelsey resolve "terminar" com ele e voltar para sua casa nos EUA. Dá muita raiva dela nessa hora.

Ok, voltando aos personagens...
O sr. Kadam é muito legal e bonzinho, além de mimar a Kelsey de todas as maneiras possíveis, já que eles são muito ricos, então durante a história ela ganha milhares de roupas maravilhosas, uma casa, um carro, etc., embora o que mais importe para ela seja o seu príncipe-tigre.
Kishan e Ren são parecidos fisicamente, apesar dos olhos de Kishan serem dourados e não azuis. Mas Kishan é mais o bad-boy, enquanto Ren é o certinho. Ok, ambos são maravilhosos.
Bem, eles são os principais.

Quanto a história, admito que achei a autora um pouco exagerada, porque o Ren é perfeito demais (não que eu esteja reclamando, rs'. O único defeito é que ele não é real), e nunca há nenhum problema de verdade, já que eles são mais ricos do que o presidente da república. A parte da aventura é bem legal, mas a verdade é que os maiores conflitos são os sentimentos de Kelsey.

Enfim, eu recomendo, porque sinceramente eu amei. E também fiquei apaixonada tanto pela parte tigre quanto pela parte humana de Ren <3, como a Kelsey.

Nota: 8,8

Ficha técnica:
Título: A Maldição do Tigre
Autora: Colleen Houck
Editora: Arqueiro
Nº de páginas: 352
Adaptação para o cinema: confirmada e prevista para 2015 (mesmo ano de A Maldição do Titã!!!)
A saga: possui quatro (Tobias! Tá parei) livros: A Maldição do Tigre, O Resgate do Tigre, A Viagem do Tigre e O Destino do Tigre.


E aí? Mais alguém leu? O que acharam?

P.S.: qual a nota de vocês para a minha resenha de hoje? Admito que fiquei orgulhosa dela, saiu melhor do que o normal.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção:
Comentários com palavras inadequadas ou ofensivas serão deletadas.

© Minhas Leituras - 2010-2017. Todos os direitos reservados. Blog e layout por Beatriz Teixeira. Desenho do cabeçalho: Gisele Dias.

Tecnologia do Blogger.
imagem-logo