As Crônicas de Nárnia - O Sobrinho do Mago

Oi de novo! (Dessa vez, fiquem tranquilos, menos loucuras, ao contrário do último post).
Como desde janeiro estou sem livros novos (eu sei, que tristeza!), eu venho relendo meus livros preferidos (já passei por PJ&O pela sexta vez, Alice no País das Maravilhas e Através do Espelho, também pela nãoseiquantésima vez, e agora...), e resolvi voltar à terra de Nárnia, um de meus primeiros "novos mundos", que na realidade fazia muito tempo que não frequentava, e estava morrendo de saudades... com sinceridade, não me lembrava de quase nada dos detalhes. O que eu mais lembrava era de "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa", que é meu preferido.
No final do ano passado, eu postei sobre o livro de As Crônicas de Nárnia que é um volume único, o que eu tenho, para quem quiser ver: As Crônicas de Nárnia - C. S. Lewis.

Bem, então, como estou relendo, agora posso postar sobre cada um dos sete livros separadamente. Já estou no final do quarto, então fiquem tranquilos, que não vai demorar de um para outro, além disso, não são muito grandes.
Ok, comecemos então pelo primeiro volume, onde tudo começou... O Sobrinho do Mago.

Sinopse:
A aventura começa quando Digory e Polly vão parar no gabinete secreto do excêntrico tio André. Ludibriada por ele, Polly toca o anel mágico e desaparece. Digory, aterrorizado, decide partir imediatamente em busca da amiga no Outro Mundo. Lá ele encontra Polly e, juntos, ouvem Aslam cantar sua canção ao criar o mundo encantado de Nárnia, repleto de sol, árvores, flores, relva e animais.

Minha opinião:
Toda história tem um princípio, e este livro mostra exatamente o princípio de Nárnia... e é simplesmente lindo, gente!A história é ótima, a descrição é ótima, óbvio que a escrita também é ótima (C. S. Lewis, S2), enfim, é maravilhoso! Só de ler este, senti meu amor por Nárnia vir à tona outra vez, como quando sente-se um cheiro ou se ouve uma música que te faz lembrar outros tempos, felizes e que trazem uma sensação de paz e alegria. Despertou aquelas saudades, mais vívidas que antes, de Cair Paravel (castelo dos reis e rainhas de Nárnia, que só aparece em outras histórias), dos animais falantes, das árvores dançantes, de Aslam principalmente, de Pedro, Edmundo, Susane e Lúcia, dos campos relvados e das batalhas, dos seres místicos, daquela magia... E ainda que não conhecesse esse lindo mundo, já estaria cativada, encantada com Nárnia. Não há tempo a perder, se não leu As Crônicas de Nárnia, leia. Apenas isso.
Digory e Polly, as primeiras crianças a conhecerem Nárnia, são retratados muito bem e encantadoramente.
Nota: 9,8

Ficha técnica:
Título: O Sobrinho do Mago
Autor: C. S. Lewis
Editora (da edição volume único): Martins Fontes
Nº de páginas: 188






Quem já leu? Teve gente que já me respondeu essa pergunta umas duas vezes kkkk.
Em breve o post dos outros livros!!

P.S.: tô me sentindo viciada em Nárnia, preparem-se pra muitos posts narnianos S2.

2 comentários:

  1. Amo esse livro, muito lindo, já li umas duas vezes e predendo ler mais

    ResponderExcluir
  2. É um dos meus livros favoritos da série que eu li até agora (eu não li toda a série, ainda)!

    Bjs, Raquel.

    ResponderExcluir

Atenção:
Comentários com palavras inadequadas ou ofensivas serão deletadas.

© Minhas Leituras - 2010-2016. Todos os direitos reservados. Blog e layout por Beatriz Teixeira. Desenho do cabeçalho: Gisele Dias.

Tecnologia do Blogger.
imagem-logo